No dia 2 de julho, o Conselho Europeu nomeou a Ministra da Defesa da Alemanha Ursula von der Leyen para o cargo de presidente da Comissão Europeia. Caso o Parlamento Europeu apresente parecer favorável, von der Leyen assumirá o cargo no dia 1º de Novembro. 
Para a presidência do Conselho foi nomeado o atual Primeiro-Ministro da Bélgica Charles Michel, assumindo o cargo no dia 1º de Dezembro. 
No dia seguinte, o Parlamento Europeu elegeu como seu presidente o eurodeputado italiano David Sassoli, do Partito Democratico (PD), assumindo o cargo no mesmo dia. O mandato de Sassoli durará 2 anos e meio, podendo ser renovado até o final da legislatura.